Dicas para fazer um ensaio de moda profissional

Quem diz que fazer um ensaio fotográfico é fácil é porque nunca teve que lidar com um(a) modelo travado. Mas isso não é um problema de quem está sendo fotografado: o fotógrafo precisa saber dirigir a pessoa e deixá-la tranquila e solta para que isso transpareça nas imagens – e isso parte muito da postura e da tranquilidade do próprio fotógrafo. Confira algumas dicas para fazer um ensaio ensaio de moda profissional:

1. Conheça os modelos. A ideia aqui não é fazer amizade, mas criar uma relação profissional de confiança. O ideal é conseguir conhecer a pessoa antes, para que não haja o bloqueio do “desconhecido” no dia do ensaio. Se apresente, converse, busque deixar a pessoa à vontade com você. Se não for possível vê-la antes, as dicas também valem para o dia do ensaio. Converse, quebre o gelo. Assim, você irá relaxar o(a) modelo e isso ajuda no resultado final.

2. Guia de poses. Procure referências de poses e elabore um “guia” para cada ensaio. Claro que você não vai ficar examinando ele a cada clique, mas o estude antes de começar a fotografar. Isso vai ajudar você a criar uma pastinha mental de referências. Com cada ensaio, você vai aumentando a quantidade de posturas nessa pastinha e, com o tempo, não precisará nem levar um guia físico.

3. Direção. Você precisa dizer ao modelo o que quer que ele faça – e precisa ser claro nas ordens. Por exemplo: “levantar o braço” é um comando vago. “Levante um pouco o braço direito e coloque os dedos no queixo, como quem está pensando” já é bem mais claro.

4. Incentivo. Se você gostou do que o modelo fez, elogie. Isso é um grande incentivo para a pessoa se dedicar e melhorar ainda mais suas poses. E se precisar que algo seja feito diferente, não xingue ou diga que está horrível. Diga “ok, mas vamos tentar um pouco diferente” ou “não era exatamente assim que eu queria”.

5. Transparência. Mostre as referências que você tem, especialmente de poses. Isso vai ajudar a modelo ao longo da sessão de fotos. Também pode ser uma boa ideia mostrar as imagens que você está fazendo para quem está sendo fotografado, especialmente se precisar corrigir alguma coisa.

6. Espaço pessoal. Se precisar fazer algum ajuste na posição da modelo ou do modelo, seja respeitoso. Pergunte se pode tocar a pessoa. Mesmo profissionais da área têm sensibilidades diferentes e se sentem mais ou menos confortáveis ao terem sua postura corrigida através do toque.

7. Trilha sonora. Se você acha que ajuda, e se o ambiente permitir, coloque uma música para dar o tom do ensaio. Isso pode ajudar bastante a descontrair o ambiente e deixar o modelo mais solto.

8. Descanso. Tenha momentos de descanso, algumas pausas durante a sessão. Podem ser rápidas, mas são essenciais. É bom para você e para quem está sendo fotografado arejar a cabeça. Especialmente se as poses forem fisicamente desafiadoras, de alguma forma.

Fonte: Blog eMania, Lightroom Brasil e Fotografia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *