Site que conecta produtores e donos de equipamentos incentiva o consumo colaborativo

Uma mudança na lógica de consumo tem inspirado a criação de vários negócios baseados em facilitar a vida do usuário e criar conexões. Um desses negócios é o CenaZERO, plataforma colaborativa que surgiu em 2016 com o objetivo de conectar profissionais de vídeo, foto e eventos a pessoas que tenham itens que eles precisam.

O CenaZERO, disponível em formato de site e aplicativo, tem mais de 5,7 mil equipamentos, locações, veículos e objetos cadastrados por proprietários de todo o Brasil. O usuário pode entrar na plataforma e alugar o que precisa pelo tempo necessário, conversando diretamente com o proprietário pela ferramenta, o que incentiva a lógica centrada em soluções criadas a partir do coletivo.

“O consumo colaborativo é uma tendência mundial, onde as pessoas, ao invés de comprar, preferem usar. E se vai usar poucas vezes, para que comprar?”, questiona o CEO do CenaZERO, Maurício Brenner. “Com a plataforma, as pessoas conseguem realizar suas produções de forma mais econômica e sustentável, sem precisar investir além do que tem. Ainda, segue a realidade do mercado, onde, cada vez mais, há orçamentos apertados”, conclui.  

O que é consumo colaborativo?

É uma prática que possibilita acessar bens ou serviços sem que haja a aquisição de um produto entre as partes, por exemplo, substituindo a compra por compartilhamento, empréstimo, troca ou, como é o caso do CenaZERO, aluguel. Tornou-se tendência nos últimos anos por conta de novas configurações sociais, maior preocupação com o meio ambiente e sustentabilidade e, é claro, as recentes crises econômicas.

CenaZERO é uma plataforma colaborativa que ajuda fotógrafos e produtores a alugar equipamentos fotográficos e audiovisuaislocaçõesveículos e objetos. Esses itens são anunciados por qualquer pessoa do Brasil e os anunciantes recebem o valor de cada diária locada de forma integral e segura.

Entra em contato com a gente por formulário ou pelo contato@cenazero.com.br .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *